Praça Manoel Inácio Peixoto, nº 136, Centro, Cataguases/MG CEP 36770-073 (32) 3421-4910
DATAS IMPORTANTES
1999 
 
Agosto
 
Fundação do Instituto Francisca de Souza Peixoto, cuja primeira iniciativa foi abrir para visitação pública uma sala de exposições onde artistas de renome nacional e internacional exibem, até hoje, seus trabalhos. Neste espaço o público passou a ter acesso ao acervo do Museu de Belas Artes de Cataguases e do Museu de Arte Moderna Francisco Inácio Peixoto. Daí por diante, a instituição não parou de adotar novas ações de promoção da cidadania e inclusão social, atuando fundamentalmente através da educação e cultura.
 
 
2000 
 
Abril
 
  • Inauguração da Biblioteca Digital Josué Inácio Peixoto, um projeto de inclusão digital para alunos da rede pública de ensino.
  • Inauguração do Teatro Rosário Fusco para apresentação de peças e espetáculos. O espaço também foi criado para abrigar o Núcleo de Teatro. 
  • Formação do Grupo Tecelões da Chica, agremiação teatral formada por colaboradores da CIC e do Instituto Francisca de Souza Peixoto.
  • Inauguração da Editora-Empresa Instituto Francisca de Souza Peixoto, que desde então já publicou as seguintes obras: 
  1. As Minas Gerais - Dicionário Bibliográfico, de Antônio de Paiva Moura
  2. Roteiro do Sagrado - Monumentos Religiosos de Ouro Preto,  Adalgisa Arantes Campos
  3. Os Ases de Cataguases - Uma história dos Primórdios do Modernismo, de Luiz Ruffato
  4. Passagem para a Modernidade - Transgressões e Experimentos na Poesia de Cataguases (década de 20), de Joaquim Branco
  5. Livro dos Poemas, de Francisco Marcelo Cabral
  6. Ascânio Lopes - Todos os Possíveis Caminhos, de Luiz Ruffato
  7. Dialeto do Corpo, de Lina Tâmega Peixoto
  8. Redescobrindo Cataguases, Educação Patrimonial
Agosto
 
Inauguração da Oficina de Artes e Ofícios Carlos Bracher, para divulgar os princípios básicos da linguagem visual e da análise crítica, utilizando técnicas de pintura, desenho e colagem de tecidos. 
 
Outubro
 
Início do Projeto Bola Cheia, destinado a crianças e jovens da comunidade, focado na prática do futebol como meio de desenvolvimento cultural e educacional.
 
 
2001 
 
Fevereiro
 
Abertura do Projeto Boas Maneiras, com o objetivo de ensinar normas de etiqueta, comportamento social, técnicas de passarela e pose para fotografia.
 
Julho
 
  • Início do Projeto Telechica, um curso supletivo baseado no Telecurso 2000 da Fundação Roberto Marinho, aplicado à arte, cultura, informática e formação profissional. 
  • Começam os trabalhos do Projeto Tecendo Solidariedade, iniciativa dos colaboradores da Companhia Industrial Cataguases cujo propósito é arrecadar fundos para a compra de cestas básicas e remédios a serem distribuídos às instituições filantrópicas e pessoas necessitadas da comunidade. 
Setembro
 
Inauguração do Centro de Documentação Histórica (CDH), com o intuito de preservar e organizar o acervo do judiciário, composto por processos cíveis e criminais dos Cartórios do 1º, 2º e do 3º Ofícios do Fórum da Comarca, abrangendo o período de 1852 a 1970.
 
 
2002 
 
Fevereiro
 
  • É criado o Projeto Passo a Passo, uma aplicação da Equoterapia como recurso auxiliar na recuperação e tratamento de crianças e adultos portadores de necessidades especiais. 
  • Inaugura o Projeto Couro de Gato, curso de desenvolvimento de técnica instrumental para bateria e percussão com estudo dos ritmos latinos, blues, jazz entre outros.
Março
 
O Instituto Francisca de Souza Peixoto cede espaço para o funcionamento do Conselho Tutelar. 
 
Outubro
 
  • É criado o Projeto Integração, para fomentar as relações entre os colaboradores da Companhia Industrial Cataguases e os projetos desenvolvidos no Instituto Francisca de Souza Peixoto, através de oficinas de desenho e pintura, artesanato com tecidos, coral, papel machê e teatro.
  • Início das atividades do grupo Naranon no Instituto Francisca de Souza Peixoto.
Novembro
 
Início das atividades do Grupo GPTo Teatro de Bonecos, baseadas na construção, pesquisa, divulgação e produção do teatro de bonecos ou teatro de formas animadas. 
 
2003 
 
Janeiro
 
Começa o Projeto Tibum, para integração social de crianças e adolescentes através da natação. 
 
Fevereiro
 
Começa o Projeto Dona Chiquinha Sempre Jovem em parceria com o Centro de Convivência da Idade Feliz, da Prefeitura de Cataguases. O objetivo é promover a cidadania e a inclusão social na terceira idade, através de exercícios físicos dirigidos, baseados nos princípios da Fisioterapia. 
 
Março
 
  • Inauguração da Biblioteca Municipal Ascânio Lopes
  • Início das atividades do Coral Tece Voz.
Maio
 
Lançamento do projeto Sorriso Feliz que, em parceria com a Associação Brasileira de Odontologia (ABO), oferece às crianças de Cataguases uma melhor qualidade de vida a partir da manutenção e prevenção da saúde bucal. 
Agosto
 
  • Processo de implantação de uma cultura de avaliação das ações e projetos do Instituto Francisca de Souza Peixoto, buscando aprimorar a gestão e assegurar o alinhamento com o que existe de mais moderno em tecnologia social de organizações do Terceiro Setor.
  • Início dos trabalhos do Projeto Ponto sem Nó, núcleo de criações que utiliza os tecidos da Companhia Industrial Cataguases como matéria-prima para a produção de peças de vestuário, almofadas, bolsas, dentre outras produções. 
  • Início do Projeto Musiqualidade, curso de violão e guitarra, que integra o desenvolvimento técnico e harmônico para alunos a partir de oito anos de idade. 
Setembro
 
Lançamento do projeto Fábrica do Futuro - Incubadora Cultural e Social de Cataguases. 
 
Dezembro
 
Fundação do Instituto Cidade de Cataguases (ICC).
 
 
2004 
 
Maio
 
  • Início das atividades do Projeto Vira a Lata Arte com Sucata, para integrar os jovens da comunidade através da reciclagem de rebobinados de filmes fotográficos. 
  • O Instituto Francisca de Souza Peixoto passa a sediar as ações educativas complementares do programa Bolsa Família. 
Julho
 
Inauguração da Feira de Artesanato apoiada pelo Instituto Francisca de Souza Peixoto, que reúne várias entidades filantrópicas da cidade para mostrar seus trabalhos e obter recursos para a manutenção de seus projetos.
 
Setembro
 
Início dos trabalhos do Projeto Renascer, com o propósito de melhorar a qualidade de vida dos colaboradores da empresa e seus familiares através de ações voltadas para a prevenção do uso de entorpecentes e ao tratamento de dependentes químicos.
 
Novembro
 
Início das aulas e ensaios da Banda Rogério Teixeira, projeto voltado a qualificar a comunidade através de aulas práticas e teóricas para a formação de uma banda de música, rememorando uma tradição das Indústrias Irmãos Peixoto S/A e da Companhia Industrial Cataguases.
 
 
2005 
 
Fevereiro
 
Abertura do Projeto Velha a Fiar, programa de tecelagem artesanal cujo objetivo é a geração de renda e trabalho aos seus integrantes.
 
Março
 
  • O Projeto Vira-a-Lata passa a denominar-se Recicloteca Vira-a-Lata e passa a utilizar, além de bobinas de filmes, uma nova técnica de reciclagem que consiste no reaproveitamento de garrafas pet para a elaboração de embalagens, luminárias e acessórios em geral.
  • Começa o Projeto Teatrando, curso de teatro oferecido aos dependentes de funcionários da Companhia Industrial Cataguases.
 
Maio
  • O Grupo GPTo passa a contar com oficinas de iniciação ao teatro de bonecos.
  • Funcionários do Instituto Francisca de Souza Peixoto começam a participar com contribuições para o projeto Tecendo Solidariedade, antes restritas aos funcionários da Companhia Industrial Cataguases.
Junho
 
Inauguração do Ponto de Cultura, da Fábrica do Futuro, no Instituto Francisca de Souza Peixoto, com espaço para laboratórios vocacionais, salas de multimídia, computação gráfica, telecentro cultural comunitário, oficinas de fotografia digital e sala para videoconferências. 
 
Setembro
 
  • Inicia o Projeto Instituto nas Escolas, do qual o Instituto Francisca de Souza Peixoto oferece oficinas e apresentações teatrais às escolas da rede pública que se encontram nos distritos e na zona rural de Cataguases. O Instituto nas Escolas visita 13 instituições de ensino da região.
  • Uma parceria com a Fundação Linhart, da República Tcheca, possibilita a realização de um intercâmbio internacional de cultura, com apresentações das oficinas de capoeira e de reciclagem do Instituto Francisca de Souza Peixoto na cidade de Praga, capital da República Tcheca. 
Outubro
 
Aprovado o Projeto T.E.A.R. de Cultura e Cidadania, como Ponto de Cultura do Ministério da Cultura. O objetivo é cumprir as diretrizes de um programa de trabalho, educação, arte e responsabilidade social a partir de ações de formação e capacitação, fomentando a criação de uma cooperativa de trabalho com a realização de arte reciclada.
 
Novembro
 
Em parceria com o Instituto Cidade de Cataguases (ICC),  o Instituto Francisca de Souza Peixoto recebe 50 jovens selecionados pelo Programa Cultura Viva, do Ministério da Cultura, com o objetivo de criar as oportunidades de primeiro emprego e de profissionalização através dos projetos desenvolvidos pela instituição.
 
2006
 
Fevereiro
 
Início do Projeto de Meio Ambiente, com a instalação do Posto de Entrega Voluntária no Instituto Francisca de Souza Peixoto, contendo contêineres  apropriados para cada tipo de lixo.
Instituto Francisca de Souza Peixoto - 2016 Todos os direitos reservados